Pesquisar neste blogue

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Enquanto houver um cão abandonado, nunca serei um ser humano totalmente feliz.



«Meu amigo, sei que não vais ler estas palavras, porque não nasceste com o dom da leitura, mas mesmo assim, quero libertar esta minha alma que sofre ao ver-te aí deitado num qualquer chão frio.

O teu abandono, é cruelmente ignorado por quem caminha apressado, sem ter dó nem piedade do teu sofrimento.

Ficas parado por momentos, apenas à espera que tudo não passe de um equívoco de quem te deixou numa agonia que não conhecias.

Já não tens onde dormir, nem com quem brincar, nem de uma mão para te acariciar, nem de ver o sorriso de quem te dava de comer.

Estás só no mundo, a vaguear junto à estrada, na esperança que te venham buscar.

Os dias vão passando, a fome vai apertando, a tristeza vai-se fixando no teu olhar...e que triste é o teu olhar...

Que destino o teu, depois de fazeres as alegrias de uma casa, seres deitado ao abandono, como um trapo velho que se deita no lixo.

Não compreendem que tens sentimentos, que sofres, que choras como qualquer ser humano, que de humano tem cada vez menos.

Hoje choro contigo, choro de ódio por quem cruelmente e desprezivelmente te abandonou, choro de ódio por não te poderes defender.

Enquanto houver um cão abandonado, nunca serei um ser humano totalmente feliz.»

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Com o coração apertadinho... (2)


A Shivva, assim a «baptizei», já está em casa...
Foi um fim-de-semana caótico...
Ela está a restabelecer-se... os resultados das biopsias deram negativo. Que alívio... O que ela tem é artroses já muito avançadas para a idade, mas com medicação, que vai tomar para o resto da vida, pode-se contornar as dores, mas não a sua capacidade fraca de locomoção.

Os cães lá de casa estão a tentar habituar-se a ela: as minhas cadelas, de cujas histórias já partilhei noutros posts, além de dominantes, são animais bastante carentes e possessivos, pois tiveram um passado não muito agradável e qualquer mudança soa a ameaça, principalmente um novo elemento...
Já o meu príncipe negro, o meu Lippi, achou muita graça à companhia de uma nova menina (a cereja em cima deste bolo era ela estar a iniciar o cio), coisa que ainda dá mais trabalho, pois ela está frágil e não consegue ainda o controlo dos movimentos. Ele tem energia pelos dois, mas ela quer sopas e carinho...
Têm de estar separados e com vigilância redobrada.

A Shivva é uma menina muito aflita e carente, que por ter passado muita fome e sede, têm grave problemas de possessividade. Quer dominar tudo: a comida, a água, as camas, os donos... Isto não está a ser um começo nada fácil...

Durante a noite, quando fica sozinha, chora e arranha e morde as portas toda a noite. Temos umas olheiras até ao chão...
Espero que as coisas acalmem pois o Natal está à porta e vou ter a casa cheia. Estou a entrar em desespero...

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Com o coração apertadinho...


Este sábado fui às compras para a horta, pois preciso de mais alfaces para plantar, e à vinda, a caminho do carro no estacionamento, encontrei esta menina assim no chão, completamente se acção, sem vontade de viver... Estava a intrigar-me e quando me aproximei deparei-me com a imagem da desolação em forma de cão: a extrema magreza impressionou-me de tal maneira que não consegui sair mais dali sem arranjar uma solução! Já não tinha forças nem para mastigar o bocado de pão que lhe tinham atirado pouco tempo antes de eu passar, disseram-me na altura os vendedores daquele «mercado» improvisado. Meu Deus, como era possível!!! Aquela menina tinha pura e simplesmente desistido de viver!!!


Tive de arranjar uma solução, coisa que é difícil num país sem carinho pelas pessoas, quanto mais pelos animais. Corri os supermercados em busca de água e de comida húmida, por me parecer o mais apropriado para ela conseguir engolir sem muito esforço, e consegui que comesse. Fiquei feliz por isso e ela também, pois a sua primeira reacção foi lamber-me a mãos como quem agradece... Cortou-me o coração! Levantou-se e a imagem ainda foi mais desoladora: não colocava uma das patas no chão. O passo seguinte e possível foi transportá-la para um hospital que fica ainda a cerca de 80 kms dali. E, quando se abriu a porta do carro, ficou tão feliz que só não entrou logo porque precisou de ajuda para subir...


É linda e meiga, apesar das dores horríveis que deve ter!!! Tão meiga que veio a viagem inteira com o focinho nos nossos ombros e a lamber as nossas orelhas...


Dá para perceber, até porque eu já não sou uma estreante nestas andanças, que já teve um dono, que sabe o que é uma mão, um carro, uma coleira/trela, enfim, já teve uma casa. Como é que é possível abandonar um animal assim, sem mais nem menos??? 

As notícias da sua saúde ainda não são claras: sinais vitais bons, mas um raio-X com muitas reservas... a possibilidade de ter um tumor na coxa...

Bom, a situação passou de má a péssima e além de ter de lá ficar, ainda vai, muito provavelmente, sofrer uma intervenção, coisa para estar internada bastante tempo e fazer aumentar e muito a nossa conta! Lá vai esta dupla ficar sem presente de Natal novamente... e espero que o valor seja o suficiente porque senão... Tenho pena porque o meu rapaz merecia mesmo um presente este ano, que foi um ano tão difícil (por uma situação que um dia talvez conte com pormenor)... mas ela precisava de nós...

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Máquina de fazer pão do Lidl


Amigos e Amigas!!!
Nos últimos dias tive o feedback de que muitos queriam uma máquina de pão para o Natal. Pois aqui está uma muito boa e que se recomenda!!! É a famosa do Lidl e que vai estar à venda já esta 5.ª!!!
Para mim é uma das melhores em relação qualidade-preço, pois é de 1250g e é preta (as brancas têm tendência a amarelar com o uso - e eu, como já disse uso quase diariamente), já para não falar dos 12 programas, incluindo o sem glúten, e custa 45 euros.
O temporizador também é útil para programar na noite anterior para a manhã seguinte e o livro de receitas também.
Para quem, como eu, já tem máquina, fica aqui a campanha das farinhas próprias que ficam a 0.99 euros!

Boas compras!

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Bombons caseiros


Amigos e amigas, será que algum de vós tem uma receita simples de bombons para fazer em casa? Gostava mesmo de experimentar! Mas nunca fiz e a 1.ª deve ser bem simples para não pôr os pés na poça logo à primeira... :)

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010